Translate

terça-feira, junho 13, 2017

Inspiration - I exist

"I exist. It’s sweet, so sweet, so slow. And light: you’d think it floated all by itself. It stirs. It brushes by me, melts and vanishes. Gently, gently. There is bubbling water in my mouth. I swallow. It slides down my throat, it caresses me – and now it comes up again into my mouth. For ever I shall have a little pool of whitish water in my mouth – lying low – grazing my tongue. And this pool is still me. And the tongue. And the throat is me.

I see my hand spread out on the table. It lives – it is me. It opens, the fingers open and point. It is lying on its back. It shows me its fat belly. It looks like an animal turned upside down. The fingers are the paws. I amuse myself by moving them very rapidly, like the claws of a crab which has fallen on its back.

…It would be much better if I could only stop thinking. Thoughts are the dullest things. Duller than flesh. They stretch out and there’s no end to them and they leave a funny taste in the mouth. Then there are words, inside the thoughts, unfinished words, a sketchy sentence which constantly returns…It goes, it goes…and there’s no end to it. It’s worse than the rest because I feel responsible and have complicity in it. For example, this sort of painful rumination: I exist, I am the one who keeps it up. I. The body lives by itself once it has begun. But thought – I am the one who continues it, unrolls it. I exist. How serpentine this feeling of existing – I unwind it, slowly…If I could keep myself from thinking! I try, and succeed: my head seems to fill with smoke…and then it starts again: “Smoke…not to think…don’t want to think…I think I don’t want to think. I mustn’t think that I don’t want to think. Because that’s still a thought. Will there never be an end to it?

My thought is me: that’s why I can’t stop. I exist because I think…and I can’t stop myself from thinking. At this very moment – it’s frightful – if I exist, it is because I am horrified at existing. I am the one who pulls myself from the nothingness to which I aspire: the hatred, the disgust of existing, there are as many ways to make myself exist, to thrust myself into existence. Thought are born at the back of me, like sudden giddiness, I feel them being born behind my head…if I yield, and I always yield, the thought grows and grows and there it is, immense, filling me completely and renewing my existence."


Jean Paul Sartre in "Nausea"

Painting  by Erika Kuhn

With Love, Ana Rosina


Style & Fashion Inspiration - As cestas no estilo boho chic

|  As cestas - Lindaaaassss  |




Já andam na moda há uns tempos, mas só agora falo delas. Andamos a olhar para elas, a namorá-las, mas com a aproximação do verão adensou a tendência e a vontade de usar.  É linda quando associada ao branco, as riscas azuis, as rendas! No início, parece difícil de conjugar, mas se estivermos inspirados (sempre com a nossa veia despojada), não há complicação nenhuma em trazer o rústico e o campo para a cidade. Lembro-me de, em pequena, levar uma destas cestinhas para a escola primária com o lanche. Como sou uma rapariga de campo, lembro-me de na infância, com a minha mana, andar com umas destas cestinhas, para um lado e para outro nos nossos piqueniques infantis. É uma daquelas modas do passado que trazem boas memórias, e que, é com um sorriso no rosto que vejo voltar, carregadinha de estilo e prontinha para  espalhar elegância. 

Particularmente, estou a adorar esta tendência :-) Por estes lados, o artesanato tradicional é também feito neste sentido, e é por isso que falo destas cestas com muito entusiasmo. 

Juntar o artesanato tradicional e o estilo, só pode ser bom!... ➼

Eu estou prontinha para aderir! 

Dream Door 24, Ana Rosina

Dream Door 24, Ana Rosina

Dream Door 24, Ana Rosina

Dream Door 24, Ana Rosina

Dream Door 24, Ana Rosina

With Love, Ana Rosina

quarta-feira, junho 07, 2017

Decor Inspiration - A casa do Pescador

No meio do calorzinho do Brasil e do encanto baiano, está este descomplicado e autêntico recanto. Com as flores a servir de cortina, paredes brancas e portas e janelas em madeira, este é o aconchego simples, ideal e carregadinho de charme. 
São cerca de 125 m² de rusticidade brilhante. O projecto da americana Jan Eleni Lemonedes, dona do espaço é singelo mas genuíno. Mostra-nos que os materiais naturais conseguem fazer um trabalho impressionante - vai bastar olhar para a originalidade do chuveiro para perceber o que digo!

E é lugar para passar um tempo delicioso a ouvir isto!.... Perfeito, não é?... (Agora é só se inspirar  ♡  )

Porque como ela mesmo diz:  “até as imperfeições tornam-se perfeitas aos nossos olhos”...
(E esta é imperfeitamente perfeita!...)

|  Uma casinha de Sonho!....  |




Inspiration

#lessonforlife



With Love, Ana Rosina

quarta-feira, maio 31, 2017

Art & Architecture - A Casa Modesta

Quando mostrei-vos esta casa, uma amiga com gostos refinados e minimalistas, reencaminhou-me para este projecto igualmente encantador. E é por isso que hoje partilho-o com vocês 😊

Esta é a Casa Modesta e é um projecto da PAr -. É uma casa de turismo rural com um estilo contemporâneo situada no Algarve, bem no coração do Parque Natural da Ria Formosa.  Eles descrevem este recanto como o lugar onde o " corpo pede descanso, e é possível entregar-se aos rituais de bem-estar, com as propriedades da azeitona, da amêndoa, da flor de sal e das algas. Há quem lhe chame “férias”, nós chamamos-lhe “cultura”." 
É um lugar perfeito, que nos remete ao estado mais puro de nós. É delicado, clean, minimalista, natural, puramente maravilhoso. E é cheio de detalhes que acho lindos. O estilo arquitectónico respeitador da envolvente onde se encontra, a decoração moderna mas em perfeita simbiose com o local e claro, a vista que faz logo qualquer alma querer respirar fundo e encher cada alvéolo de ar puro e inspirador!... 
Eu estou rendida e não sou modesta em dizê-lo!... 


|  Uma Casa Modesta e cheia de encanto!...|


(Se algum dia visitasse o Algarve, é por cantinhos assim que eu queria que o meu corpo e a minha mente recarregassem baterias!...)





Pin It button on image hover